• Kelly Rossi

Uma lista (quase) definitiva de piores medos - resenha

Atualizado: Fev 24


Autora - Krystal Sutherland

Tradução - Alice Klesck

Editora - Globo Alt

Gênero - Romance YA

Páginas - 304

Ano - 2020

ISBN - 9786588131015

Classificação - ⭐⭐⭐⭐⭐


Sinopse - "Desde que o avô de Esther conheceu a Morte na guerra do Vietnã, os Solar foram amaldiçoados com um grande medo que dominaria suas vidas; um medo tão poderoso que levaria cada membro da família a sua respectiva morte. O irmão de Esther tem pavor do escuro, seu pai sofre de agorafobia e sua mãe é completamente obcecada por má sorte. A família leva vidas separadas, mas com uma certeza em comum: de um jeito ou de outro, seus medos os levarão à morte.

Esther ainda não sabe qual é seu grande medo - e pretende continuar assim. para tal, ela evita lagostas, espaços fechados, cortes de cabelo, espelhos e qualquer coisa com potencial para se transformar em um grande medo, registrando tudo em sua lista (quase) definitiva de piores medos. Ela tem certeza de que conseguirá viver livre da maldição dos Solar - até Jonah Smallwood reaparecer em sua vida. O reencontro resulta no furto de seu celular, dinheiro, lista e - o mais importante - em uma improvável amizade. Quando Jonah a desafia a quebrar a maldição da família, o equilíbrio que Esther construiu cuidadosamente para si acaba desmoronando, e ela se vê obrigada a enfrentar o único medo que não sabia ter: o amor."


"O medo protege. Você tem que sentir medo até os ossos... pra que a coragem tenha algum significado."


QUAL O SEU PIOR MEDO?


Sabe aquele medo paralisante que causa pânico e congela completamente? É esse tipo de medo que você vai se deparar ao mergulhar na história de Esther Solar, uma garota que convive com as consequências de fazer parte de uma família amaldiçoada.


"As vezes as pessoas contam histórias verdadeiras como se fossem falsas, porque isso lhes dá verossimilhança."


Depois que o avô de Esther conheceu a Morte (em carne e osso ou quase isso) quando estava na guerra do Vietnã, a maldição recaiu sobre os Solar em forma de um grande medo. Cada membro da família teme algo tão profundamente que isso acaba o levando a morte. Alguns descobrem sua fobia desde novos, outro demoram anos e anos.


"Como é possível ter alguém que você ama sofrendo há tanto tempo sem você notar?"


Eugene, o irmão de Esther, descobriu ainda criança seu pavor do escuro. Mas Esther ainda não sabe qual seu pior medo, e na busca dessa descoberta nasce a lista (quase) definitiva de piores medos.


"a escuridão podia viver numa pessoa e comê-la de dentro para fora."


Mas infelizmente, ou melhor, felizmente, sua lista é roubada. Fazendo com que a relação dos 50 piores medos da Esther cai nas mãos de Jonah, um amor de infância que reaparece em sua vida de uma maneira bem peculiar.


Ao descobrir sobre o significado da lista de Esther, Jonah a desafia a quebrar a maldição. E é a partir daqui que a história começa. Laços de amizade são fortalecidos a cada medo enfrentado e superado por Esther. É emocionante!


O que eu não imaginava era que esse romance YA ia me surpreender com temas tão relevantes e reflexivos sobre a saúde mental. A narrativa cresce muito ao longo da leitura. Os personagens vão ganhando espaço, se ampliando e se abrindo, mostrando todos os seus defeitos e qualidades. Dá vontade de abraçar e cuidar de cada um.


A escrita da autora é envolvente e cativante. Ao mesmo tempo que carrega toques irreais e fora do comum, também apresenta sensações tão reais e palpáveis que é possível se ver dentro da história.



Além de me deparar com várias citações de filmes, séries e livros no decorrer da leitura (o que é uma característica da escrita da autora), também descobri novos termos que não fazia ideia de que existiam. Por exemplo:


Agorafobia: medo de multidão

Navarrofobia: medo de campos de milho


"Nesse mundo há poucas coisas piores do que humanos."


Se você não tiver problema em ler livros com gatilhos, esse romance YA nada clichê vai te guiar por uma história linda que valoriza a amizade, trabalha o luto, o perdão, mostra a importâcia do amor, da família, da superação, além de aumentar a conscientização sobre a ansiedade, a depressão, a automutilação, o suicídio, o mutismo seletivo entre outros...


"Tudo o que você quer está do outro lado do medo."


Fiquei muito satisfeita ao realizar essa leitura e agora quero saber de vocês. Já leram esse ou outro livro da autora? Ficaram com vontade de conhecer?



Beijos, um ótimo voo a todos e até a próxima!📚💕

Colabore com o blog: apoia.se/voandocomlivros

O livro está disponível nas melhores livrarias! Você também pode comprar sem sair de casa clicando na imagem abaixo.










36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo