• Kelly Rossi

Tomates Verdes Fritos - resenha


Título Original - Fried Green Tomatoes at the Whistle Stop Cafe

Autora - Fannie Flagg

Nacionalidade - Americana

Tradução - Vera Caputo

Editora - Globo Livros

Gênero - Drama

Páginas - 434

Ano - 2018

ISBN - 9788525065292

Classificação - ⭐⭐⭐⭐⭐❤


Sinopse (orelha) - "Em capítulos curtos que alternam épocas - a década de 1980, as primeiras décadas do século XX, os anos 1930 - Tomates verdes fritos tem como pano de fundo o estado do Alabama - um dos mais pobres e repressivos dos Estados Unidos, marcado por sua rígida observação dos papéis sociais e sexuais e por uma inexorável hierarquia racial.

Através de histórias superpostas, Fannie Flagg cria um rico painel humano e social a partir dos encontros casuais, numa casa de repouso, entre Evelyn Couch, uma dona de casa infeliz e a octogenária sra. Threadgoode. Ao longo de suas conversas, Evelyn acaba recuperando sua identidade e, por meio das histórias que conta, a sra. Threadgoode retoma seu próprio passado. As protagonistas de suas memórias são Idgie, uma jovem desafiadora e libertária, e sua parceira, Ruth. Pela relação que as une, as duas enfrentam todo tipo de convenções, ameaças e preconceitos.

À medida que o passado se revela, o presente nunca mais será o mesmo."


"EXISTEM SERES MAGNÍFICOS NESTA TERRA, FILHO, QUE FICAM POR AÍ DISFARÇADOS DE HUMANOS."


Talvez você conheça esse título graças ao filme homônimo do início dos anos 1990. Eu já conhecia a adaptação que acho maravilhosa, mas o livro consegue ser ainda melhor, sem surpresas quanto a isso, né?😄


Formado por capítulos bem curtinhos que alternam presente e passado, conhecemos a história da família Threadgoode através da narração de Ninny, uma senhorinha encantadora que está hospedada em uma casa de repouso e passa seus melhores momentos conversando com sua nova amiga, Evelyn, uma dona de casa infeliz.


O Estado do Alabama desde os anos 30 é o pano de fundo de "Tomates verdes fritos". Uma das regiões mais pobres e repressivas dos Estados Unidos. Conforme a narrativa ganha vida, é possível perceber a rigidez dos papéis sociais, raciais e sexuais daquela época.


Apesar de tratar múltiplos dramas de cada personagem, a leitura é leve e deliciosa, daquelas que a gente mergulha e esquece da vida. As protagonistas das memórias da senhora Ninny, são Idgie e sua parceira, Ruth. Idgie sempre foi rebelde e desafiadora em tudo que fazia e acaba se tornando uma libertária, sem medos, um ser humano espetacular que enfrenta todas as convenções e preconceitos por seu verdadeiro amor.


Mas essa história não é só da Idgie, todas as personagens se destacam de alguma forma, meu apego por cada uma é infinito. O que falar de Dot Weems? Autora do semanário mais hilário de todos os tempos.


"Tomates verdes fritos" é um livro magnífico, emocionante, divertido e com mensagens lindíssimas.


Eu recomendo essa leitura de olhos fechados. E se no decorrer da narrativa você ficar com água na boca por causa das comidas, não se preocupe, ao fim da edição você vai encontrar todas as receitas. 😋


Já leu ou assistiu ao filme? Vem conversar comigo!


Beijos, um ótimo voo a todos e até a próxima!📚❤




Colabore com o blog: apoia.se/voandocomlivros






O livro está disponível nas melhores livrarias! Você também pode comprar sem sair de casa clicando na imagem ao lado. Comprando por esse link, você ajuda o blog sem pagar nada a mais por isso.



31 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo