• Kelly Rossi

O Homem do Terno Marrom - resenha


Autora - Agatha Christie

Editora - L&PM

Gênero - Romance Policial

Páginas - 303

Ano - 2016

ISBN - 9788525434050

Classificação - ⭐⭐⭐⭐


Sinopse - "A jovem e bela Anne vai a Londres atrás de aventuras – e as encontra no local mais corriqueiro possível: a estação de metrô Hyde Park Corner. Ela está na plataforma quando um sujeito magro, com cheiro de naftalina, se desequilibra e cai nos trilhos, morrendo eletrocutado. O veredito da Scotland Yard é de morte acidental. Mas Anne não está convencida. Afinal, quem era o homem do terno marrom que examinou o corpo? E por que ele saiu correndo, deixando atrás de si uma mensagem enigmática? Publicado originalmente em 1924, este romance de mistério que mistura thriller, espionagem e paisagens africanas é um dos preferidos dos fãs de Agatha Christie."


Após a morte de seu pai, um famoso arqueólogo, Anne se encontra totalmente sozinha. Recusa a proposta de um casamento confortável e parte para Londres em busca de aventuras. Ao retornar de uma entrevista de emprego sem sucesso, Anne presencia um misterioso acidente que mata um homem instantaneamente. O médico que examina o corpo deixa cair um pedaço de papel, Anne tenta devolver, mas não encontra o médico, que por sinal, é muito suspeito. A mensagem enigmática contida no papel desperta a curiosidade de Anne. É a partir daí que ela embarca em uma grande aventura até a África do Sul.

"O Homem do Terno Marrom", publicado em 1924, foi o quinto livro da Christie. Diferente das obras anteriores, a história foge do padrão investigativo com detetives e mistura aventuras e suspense com um toque romântico.

Mas não pense você que não precisa usar suas pequenas células cinzentas, heim! O livro é repleto de ação! Temos assassinatos, roubo de diamantes e muitas tramas que deixam aquele gostinho de mistério a ser desvendado.


Mais uma vez, Agatha acerta em cheio na criação de seus personagens. Eles são enigmáticos, divertidos e carismáticos. Sem falar na protagonista Anne, uma mulher forte, destemida e aventureira. Ela me lembrou a Tuppence, que apareceu a primeira vez na obra, O Adversário Secreto.

Mas Anne não é uma personagem qualquer, ela foi inspirada na própria autora. Assim como a Agatha, Anne trabalhou em hospitais durante a Primeira Guerra e adquiriu alguns conhecimentos fundamentais para o desenrolar da história. As duas, autora e personagem, possuem o espírito aventureiro, aliás, o livro tem vários paralelos com incidentes e cenários de uma viagem de trabalho ao redor do mundo feita por Christie e seu primeiro marido, Archie. A expedição durou quase um ano e foi liderada pelo Major Belcher, antigo professor de Archie.

Christie considerava que Belcher tinha uma personalidade infantil, mesquinha e de alguma forma viciante. Todo esse carinho furtivo, transformou o Major Belcher em Sr. Eustace Pedler, um dos personagens principais de O "Homem do Terno Marrom".


Não é a minha obra preferida até aqui, mas mesmo assim mostra a versatilidade e o brilhantismo da escrita da Agatha. Foi uma leitura agradável e divertida. Se você gosta de um suspense com toque romântico e cheio de ação, deixe envolver-se pelas aventuras da Anne.🤗



Beijos, um ótimo voo a todos e até a próxima!📚💕

5 visualizações

© 2020 Voando com Livros • Todos os direitos reservados • Desenvolvido por Nicolas M Barboza