• Kelly Rossi

A Canção de Aquiles - resenha


Título original - The Song of Achilles

Autora - Madeline Miller

Nacionalidade - Norte-americana

Tradução - Gilson César Cardoso de Sousa

Editora - Planeta Minotauro

Gênero - Romance histórico

Páginas - 336

Ano - 2021

ISBN - 9786555354188

Classificação - ⭐⭐⭐⭐⭐


Sinopse - "Pátroclo, um jovem e tímido príncipe, acaba exilado no reino de Fítia após um acontecimento trágico. Em seu novo lar, longe de tudo o que conhecia, ele encontra Aquiles - filho do rei e da deusa Tétis.

Aquiles é tudo o que Pátroclo não é: extraordinário em todos os sentidos, belo e com um futuro brilhante já delimitado por uma profecia. Mesmo com essas diferenças, eles desenvolvem uma conexão profunda e se tornam inseparáveis. Durante anos, passam a vida assim, lado a lado, crescendo juntos. E, quando se tornam jovens adultos, esse relacionamento muda para algo ainda mais intenso.

A vida idílica que levam é interrompida quando surge a notícia de que Helena de Esparta foi raptada e os homens gregos devem partir imediatamente para Troia a fim de libertá-la. Aquiles vê nessa guerra a oportunidade perfeita para enfim cumprir seu destino heroico e decide deixar para trás a corte e seguir para a batalha. Pátroclo, movido pelo amor que sente por Aquiles, o acompanha.

No entanto, mal sabem eles que, além de glória e amor, o destino também os reserva uma grande dose de sacrifícios."



"AS NAÇÕES SÃO O INVENTO MAIS TOLO DA HUMANIDADE: 'NENHUM HOMEM VALE MAIS QUE OUTRO, NÃO IMPORTA DE ONDE VENHA'."



A trajetória da autora, Madeline Miller, na criação de "A Canção de Aquiles" durou 10 anos. A base de sua inspiração foram os clássicos épicos, Ilíada e Odisseia, mais especificamente a Ilíada.


Pátroclo, filho do rei Menécio, foi exilado da terra natal após um trágico acidente, e acabou sendo criado na corte de Peleu, junto com Aquiles. Apesar de vários fatores que marcaram sua importância na "Ilíada", ele era um personagem secundário que quase se perde em meio a tantas deidades. Mas nesse livro, Madeline dá voz ao príncipe Pátroclo e é ele quem narra "A Canção de Aquiles".


"EU NUNCA OUVIRA MÚSICA ASSIM ANTES. TINHA O CALOR DO FOGO, A TEXTURA E A DENSIDADE DO MARFIM POLIDO. GRANDIOSA E SERENA AO MESMO TEMPO."



Filho do rei Peleu e da deusa (insuportável) Tétis, Aquiles é dotado de força, velocidade, uma beleza estonteante e cresce a luz de uma profecia: ser o maior guerreiro de sua geração.


"ELE NÃO DIZIA NADA COM SEGUNDAS INTENÇÕES E FICAVA INTRIGADO QUANDO ALGUÉM FAZIA ISSO. CERTAS PESSOAS TALVEZ CONFUNDISSEM SEMELHANTE ATITUDE COM INGENUIDADE. NO ENTANTO, ABRIR O CORAÇÃO NÃO É, DE CERTO MODO, UMA CARACTERÍSTICA DE GÊNIO?"


Mesmo sendo completamente o oposto um do outro, Pátroclo e Aquiles desenvolvem uma conexão sólida e se tornam companheiros inseparáveis. Conforme os anos vão passando, o relacionamento entre os dois fica ainda mais intenso. Juntos, são treinados pelo centauro Quíron e vivem alguns anos tranquilos e bucólicos, até que recebem a notícia sobre a guerra contra Troia e a força do destino fala mais alto.


"LEI NENHUMA OBRIGA OS DEUSES A SEREM JUSTOS."


"OS DEUSES NÃO PERMITEM QUE SEJAMOS FAMOSOS E FELIZES."



A escrita da autora é belíssima, tocante e emocionante. "A Canção de Aquiles" é uma história sobre glórias, heroísmo e sacrifícios, que explora batalhas entre deuses e mortais, evidencia segredos do coração e confirma o poder supremo do amor.


Eu amei essa leitura! Além de se manter fiel a tradição mais antiga dos mitos gregos, Madeline Miller conseguiu criar um romance lindo, sólido e cheio de mensagens e reflexões para a vida toda.



Beijos, um ótimo voo a todos e até a próxima!📚❤



Colabore com o blog: apoia.se/voandocomlivros






O livro está disponível nas melhores livrarias! Você também pode comprar sem sair de casa clicando na imagem ao lado. Comprando por esse link, você ajuda o blog sem pagar nada a mais por isso.

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo