• Kelly Rossi

Oscarina - Resenha


Autor - Marques Rebelo

Nacionalidade - Brasileiro

Editora - José Olympio

Gênero - Contos

Páginas - 208

Ano - 2022

ISBN - 9786558470502

Classificação - ⭐⭐⭐⭐


Sinopse - "Publicado originalmente em 1931, "Oscarina", estreia literária de Marques Rebelo, reúne dezesseis contos que mostram o cotidiano de donas de casa, trabalhadores e tipos do subúrbio carioca. Com personagens bem caracterizados, a linguagem um tanto dramática e a incorporação dos falares das ruas na escrita, o autor revela o que é próprio de um certo Rio de Janeiro, mas também característico da alma humana, com seus desejos e contradições.

Os conflitos de pessoas comuns também se revelam nos demais textos, como no conto que dá título à obra. Nele Jorge desiste dos estudos, para desgosto do pai, e acaba seguindo carreira militar. Troca a noiva, Zita, por Oscarina, mulher cheia de encantos, que o apresenta a novos hábitos, e assim ele se lança de vez à vida boêmia.

Clarete, do conto "Felicidade", sonha em ser atriz, mas acaba se casando com o chefe e se tornando sócia do Country Club. O protagonista de "Onofre, o terrível, ou a sede de justiça" é um mata-mosquitos que, insatisfeito com o salário irrisório e com o chefe que não trabalha, pensa em se vingar deixando a cidade ser infestada, pensa em se vingar deixando a cidade ser infestada - o que revela também a consciência sobre o valor do próprio trabalho."


Marques Rebelo é apaixonado pelo Rio de Janeiro e em sua obra "Oscarina", lançada em 1931, esse sentimento fica bem evidente.

Com um olhar no subúrbio do Rio de Janeiro do início do século XX, Rebelo constrói histórias com motivações e ações humanas que retratam o cotidiano carioca.


Aurélio Buarque de Holanda falou em recepção a Rebelo na Academia Brasileira de Letras em 1965: ele é “[...] duplamente carioca, digo eu, pelo nascimento e pela obra”. É possível entender essa fala durante a leitura de "Oscarina", porque os personagens transpiram o Rio..., e passam a impressão que não seriam nada em outra cidade.


"Oscarina", além de dar título a obra, é o primeiro conto dessa coletânea. E já indica a temática de todas as outras histórias do livro. Pequenos conflitos de pessoas comuns trabalhados com traços de saudades da infância. Essa evidência nostálgica imprime uma melancolia sutil nas narrativas, mas não chegou a me deixar triste, porque o tom de tristeza vem misturado com bom humor e um leve lirismo.


Eu gostei bastante desse primeiro contato com a escrita do Rebelo e fiquei animada em conhecer seu romance "A Estrela Sobe", que será o próximo livro do autor que lerei.


Você já conhecia esse autor nacional?


Sobre o autor: "Marques Rebelo (1907-1973), pseudônimo de Eddy Dias da Cruz, nasceu no bairro de Vila Isabel, subúrbio do Rio de Janeiro, cenário constante em sua obra. Dedicou-se ao jornalismo a partir da década de 1920 e foi cronista não só da efervescência da Cidade Maravilhosa, mas também do Brasil, além de ter um especial interesse pelas crônicas de viagem. Em 1964, foi eleito para a cadeira 9 da Academia Brasileira de Letras. A Editora José Olympio publica sua vasta obra, que inclui "A Estrela Sobe", "Marafa" e "O Trapaceiro"."



Beijos, um ótimo voo a todos e até a próxima!📚❤


Colabore com o blog: apoia.se/voandocomlivros









O livro está disponível nas melhores livrarias! Você também pode comprar sem sair de casa clicando na imagem ao lado. Comprando por esse link, você ajuda o blog sem pagar nada a mais por isso

15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo