• Kelly Rossi

Calmaria - bate papo


Em 2015, quando surgiu uma vontade de conversar e compartilhar minhas experiências literárias na internet, a primeira opção que me veio à cabeça foi o blog.


Sempre gostei de parar alguns minutos para ler uma ou outra resenha, quanto mais longa, melhor. Saber a opinião das pessoas de um livro que você já leu é muito interessante e enriquecedor, então me decidi e criei o Voando com Livros.



Comecei apenas fazendo postagens aqui no blog, na época eu usava a hospedagem no Blogger. Já tinha o instagram também, mas quase não postava por lá. Fiquei três anos apenas por aqui. Esse cantinho no blog me faz bem, não sinto pressão da limitação de outras plataformas, me sinto livre para criar, escrever e compartilhar o que desejo, sem pensar em julgamentos, engajamento e algoritmos que são tão martelados em outras redes sociais.


Eu sou muito grata ao instagram por ter me proporcionado tantas coisas boas. Foi à partir de 2019, quando passei a dedicar mais tempo nas postagens e stories por lá, que o Voando com Livros começou a crescer. Consegui fechar parcerias com editoras tão admiradas por mim e o melhor, conheci pessoas incríveis que levarei para a vida toda.


Também foi no instagram que eu perdi a vergonha de fazer vídeos, o frio na barriga absurdo que eu tinha apenas em gravar um story passou e arrisquei criar um canal no youtube haha... quanta evolução, não é mesmo? Sempre que consigo gravar e editar, eu curto muito o processo, de um jeito que eu nunca imaginava que aconteceria. Acho que são processos... estamos constantemente mudando.



Hoje, depois de ver tantos amigos desistindo do perfil literário no instagram e migrando para outras plataformas, fiquei pensando...


... pensando em desacelerar, mas como em um mundo tão sedento de tudo?


As pessoas estão cada vez mais superficais! E como fugir disso? Depois que chegamos em um certo patamar, é difícil retroceder, difícil diminuir o ritmo, mas cada vez é mais necessário.



As redes sociais exigem uma cadência frenética da gente. Tanto de quem produz o conteúdo, quanto de quem consome. A impressão que dá é que se você ficar fora por um dia, já não vai conseguir acompanhar a máquina. E isso é tão preocupante! Vejo amigas ficando doentes por ficarem tentando se encaixar em números, em algoritmos... que não nos leva a nada. É triste e não quero isso para mim. Não quero um bombardeio de vídeos no tiktok; não quero precisar ocultar palavras com números e outros elementos quando escrevo no instagram (sério, eu acho isso tão absurdo); não quero prejudicar minha rotina para conseguir criar vídeos no padrão e na quantidade que o youtube exige; não quero sofrer com o clima tóxico do twitter...



Eu quero degustar da minha calmaria. Quero aproveitar meu tempo comigo mesma, com meus dogs, minhas plantas, minha família, ou até não aproveitar. Ficar de bobeira curtindo o nada, por que não?



Em todos esses anos, eu nunca deixei de postar minhas resenhas aqui no blog. Fico feliz em não ter deixado de lado esse espaço que eu tanto amo. Hoje, eu me impressiono com a quantidade de pessoas que acessam e acompanham o Voando com Livros por aqui também.



Saibam, Voadores, que alimentarei esse cantinho cada vez mais. Eu posso sair e voltar quando eu quiser para ler ou escrever algo, que ele estará aqui me esperando, não se perderá na rolagem como acontece em outras redes.

O blog é minha calmaria, minha paz! Espero conseguir transmitir um pouquinho desse bem estar para vocês também. 🥰


Respira fundo, beijos, um ótimo voo a todos e até a próxima!📚💘



22 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo